A Conquista Romana do Mediterrâneo

Seleccione um tempo: 330 aC 260 aC 220 aC 200 aC 130 aC 50 aC 20 dC 70 dC
A Conquista Romana do Mediterrâneo
Coloque o cursor sobre os recursos do mapa para aprender mais

Share


    Em 500 aC, o latim era a língua falada apenas na cidade de Roma e seus arredores. Hoje 700 milhões de pessoas espalhadas por todos os continentes do mundo falam uma língua derivada do latim. Como é que este grupo lingüístico conseguiu estender tanto? A resposta está nas conquistas militares da antiga cidade de Roma.
     As conquistas iniciais de Roma foram contra as várias tribos e as colônias gregas da Itália, o que levou ao controle de toda a península italiana, e se tornando Roma uma das maiores potências do Mediterrâneo (veja mapa 2 - 260 aC) . Então Roma dedicou a sua atenção para a outra grande potência no Mediterrâneo Ocidental: Cartago. Roma lutou com Cartago em 3 longas guerras inensas e derrotou os cartagineses em todas. Desta Forma Roma herdou de Cartago seu grande império comercial do Mediterrâneo ocidental. (veja mapas 3 e 4 - 220 e 200 aC)
     Neste ponto, Roma tinha se tornado a única grande potência no Mediterrâneo. Não demorou muito antes de Roma começou a se expandir na região do Mediterrâneo oriental helenística, com a conquista da Grécia em 133 aC (veja Mapa 5 - 130 aC), o Reino Selêucida no Oriente Médio em 63 aC (veja mapa 6 - 50 aC) e, finalmente, os Ptolomeus do Egito em 30 aC (veja Mapa 7 - 20 dC). Após a derrota do último monarca Ptolomeu no Egito, Cleópatra VII, Roma passou a controlar praticamente todo o Mediterrâneo. Desta vez, também viu a substituição definitiva da República Romana com o Império Romano, quando Augusto foi proclamado imperador de Roma.



Salvo disposio contrria, todos os mapas deste site so ExploreTheMed